Umbanda tem Exu! Tem Lúcifer, Corcunda e Caveira?

Exu
Spread the love

Ah, o desconhecimento com preconceito e, racismo! Mas as ceitas midiáticas tem culpa nesse preconceito todo, junto com o catolicismo que tratavam como demônio tudo que não era desconhecido.

Lúcifer

O conceito de Lúcifer vem muito antes do surgimento da Igreja Católica e seus dogmas. Muito antes de se chamar Lúcifer, era conhecido como Eósforo. Eósforo era a deidade associada à “Estrela da manhã”, cuja a qualidade era o conhecimento, a Luz das coisas. Quando se afirmam: “À luz da Ciência”, “sob a luz do Direito”, “que tudo venha à Luz”, o termo Luz se refere a uma invocação de Eósforo.

lúcifer
Lúcifer caindo do céu

O portador da luz, lux fero, virou Lúcifer mas manteve todas as qualidades do Eósforo. Retratado com um anjo expulso do Céu por Deus ao discordar da criação humana. Porém sabemos que Lúcifer e Jesus Cristo são os lados da mesma moeda. Jesus Cristo como a energia do Amor Incondicional e, Lúcifer com o Conhecimento que trás a Luz sobre tudo.

A nossa experiência na Terra tem como objetivo a evolução sob o Amor Incondicional, ou seja, é o que devemos desenvolver na nossa evolução. Porém Lúcifer “guarda” com ele o “conhecimento sobre tudo”, para que por nós mesmos superamos a “escuridão” das nossas almas”.

Anjos não baixam em terreiros, portanto Lúcifer também não baixa. Mas antes de explicar isso, vamos aos Exus.

Exu

No panteão de deuses africanos, Exu é o Orixá da comunicação, dos caminhos. É ele que leva as informações, trás avisos e recados, faz a ponte entre entre o sagrado e o humano na forma da “comunicação”.

Essa energia é a utilizada nos Exus da Umbanda, porque são guias espirituais que mais se aproximam dos humanos e, são eles que os responsáveis por grande parte da “comunicação”. Os Exus são mais diretos, traduzem tudo ao nosso modo de entendimento, de forma a trabalhar o que há de pior em nós e, provocar uma transmutação evolutiva.

E estes nomes: Exu do Lodo, Exu Corcunda, Exu Lúcifer, Capa Preta etc?

Não por que se Chama Exu do Lodo que a entidade seja toda feita de lodo, mas sim é no lodo primordial que a vida foi gerada e, nessa forma de energia é que ele obtém sua força e conjunto de regras.

Exu Corcunda não é um corcunda todo torto. O termo corcunda se refere a um defeito físico na coluna. Se a coluna é uma parte anatômica responsável pelo aspecto ereto do homem, suporte para condução de informações cérebro e o corpo, logo, encarnações de “caráter torto”, com desrespeito à Lei Maior, é descrita com a marca da corcunda. Exu Corcunda em para trabalhar a retidão no caráter religioso, no respeito à Lei Maior e a nossa missão enquanto encarnados em Terra.

E Exu Lúcifer? este Exu trabalha a linha do “CONHECIMENTO”, não significa que ele resolverá suas equações químicas, matemáticas ou ganhará um Nobel. Esta qualidade de Exu carrega o conhecimento do Universo e suas Leis imutáveis. Mesmo que ele as descreva, na nossa condição evolutiva, só causariam muita perturbação. Para quê reencarnarmos se já sabemos todo o Mistério do Universo? Este Exu trabalha isso e nos revela aos poucos, conforme estamos preparados.

Dicas

Recomendo a leitura deste livro: Eu, Exu Corcunda. Essa relação entre o desrespeito para com o Divino, Lei Maior e Carma, até a aceitação e ser convidado a trabalhar na egrégora dos Corcundas.

O vídeo abaixo há explicações muito interessantes e muito esclarecedoras a respeito dos nomes dos Exus, a origem destes nomes.

Vale destacar e que os nomes dos Exus e, de todas as entidades da umbanda sempre se referem os pontos de força e de trabalha delas como:

  • Cemitério: entidade que atuam com as almas
  • Encruzilhadas: entidades que trabalham com o fluxo da vida, as escolhas, as dúvidas, os caminhos a serem seguidos
  • Do Cruzeiro: entidades que atuam com curas, almas, encaminhamento, a Luz
  • Das Águas: entidades que trabalham com o descarregos, curas, alívios
  • Das Estradas: entidades que trabalham com a evolução, com os caminhos, com sentido certo da vida, retidão moral

Moral da história

Estes nomes são formas simplificadas e codificar as energias e formas de trabalho, em nada lembram demônios, maldade ou desgraça. São apenas nomes simples, como o de todo mundo. Já pararam para pensar o real significado do seus nomes e sobrenomes?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *